SANTUÁRIOS HETERODOXOS: SUBJETIVIDADE E HERESIA NA LITERATURA JUDAICA DA EUROPA CENTRAL

Entregas para o CEP:
Meios de envio
  • Livraria e Editora Scriptum Rua Fernandes Tourinho, 99, Belo Horizonte (MG) - Atendimento de Segunda à Sexta das 9:00 às 20:00 e aos Sábados das 9:00 às 15:00
    Grátis
Luis Krausz analisa 10 obras de literatura judaica, produzidas na Europa Central entre os séculos XVII e XX, nas quais se encontram diferentes representações de heresia, no sentido mais amplo da palavra- como quaisquer dissidências em relação a tradições religiosas e comunitárias judaicas. O autor parte da hipótese de que as raízes da emancipação, assim como o surgimento de uma cultura espiritual laica entre os judeus, são desdobramentos tardios da crise religiosa desencadeada pela heresia sabataísta. Assim, a emergência de uma subjetividade judaica encontra na literatura o espaço por excelência para a representação dos questionamentos aos quais passa a ser submetida a tradição religiosa. Para muitos dos autores escolhidos, e aqueles que já não mais encontram na tradição as respostas para suas perplexidades, os livros e a literatura transformam-se então em santuários heterodoxos.